terça-feira, 14 de agosto de 2012

Turbilhão de sentimentos


Apesar da mudança ser recente as coisas estão se ajeitando. Devagar vou me acostumando ao trabalho novo, não tive problema com nenhuma das professoras nem com ninguém da direção da escola, mas sofri sim com uma certa "rejeição" por parte do "terceiro poder" da escola e gratuita. ( para quem não sabe uma escola é composta pelo primeiro poder - direção, segundo poder - professores e terceiro poder - pessoal da limpeza e da cozinha) tive uma professora na faculdade que dizia isso e é bem verdade, quando o pessoal do terceiro poder quer acaba com uma professora ou a eleva.
Agora aos poucos estou conhecendo melhor os ambientes da escola, onde fica cada coisa, já conheço vários alunos de todas as salas da manhã pelo nome e alguns do período da tarde também. Ainda tenho muito receio dos alunos pequenos, parece que não consigo fazer com que me entendam por isso tenho preferido sempre ficar com os maiores de 4 e 5 anos. Ainda sinto falta dos maiores de verdade de 7 a 10 anos que é o pessoal que estou realmente acostumada, foram 14 anos com essas idades e já sei exatamente como lidar com eles.
Minha casa está em ordem, as finaças também, mas não me sinto feliz. Isso me incomoda porque eu sei que deveria estar explodindo de felicidade o que tenho hoje é tudo que lutei para ter nos últimos 5 anos, mas não me sinto feliz. Em 14 anos de magistério nunca levantei de manhã e tive vontade de chorar ao lembrar que tinha que ir para escola, nem mesmo quando peguei uma terceira série do peru, mas hoje eu acordo e penso com tristeza que tenho que ir para a escola. Lá na escola é uma correria tão grande a manhã inteira que nem tenho tempo de pensar em nada, porém a melhor hora do dia sem sombra de dúvida é meio dia - hora de voltar para casa. Nem mesmo perder peso tem me deixado feliz, não sei o que acontece, parece que algo está errado comigo, de repente não tenho mais pelo que lutar. Essa tristeza aumenta porque sinto que é injusto senti la já que lutei muito para conseguir o que consegui, um misto de sensações que me entristecem demais.

2 comentários:

  1. Oi minha querida! Puxa, mas faz tempo que não venho aqui... :( Quanto ao seu post te desejo sucesso nessa nova etapa de sua vida! ;)
    Beijo, beijo!
    She

    ResponderExcluir
  2. Oi Kelly, li todos os post, eu nem sei o que dizer, pq eh uma mistura de sentimentos tão grande, creio que vc esteja com grandes conflitos, te aconselho procurar uma psicologa pra te ajudar, espero que essa fase passe logo e tudo fique nos eixos, bjos...Aguardo sua visita no meu blog e vlog, onde conto
    tudo sobre minha cirurgia bariátrica.
    |Blog| http://isaclourenco.blogspot.com.br/
    |Vlog| http://www.youtube.com/100observacoes

    ResponderExcluir